sexta-feira, dezembro 15, 2006

Só encontrei gelo



Arrefeci um pouco no gelo do Norte. Não trouxe o Natalino.
Também não encontrei o Pai Natal. Não sei se estava fechado em casa, farto de mulherio ou se por ali as pessoas desaparecem, como duendes na floresta.
Aqui no Sul a gente tem sempre mais calor. Deve ser por isso que gostamos de andar na rua e falar muito. Bem... também gostamos de estar em casa, de preferência no aconchego de uns pézinhos quentes. Se para alguma coisa os homens servem é para esse pequena falha que nos acontece no Inverno.
Os homens do Norte são calados, sentam-se quietos, de mãos no colo e olhos de carneirinho. Não sei como são na cama, não cheguei a vias de facto, mas aquilo não me pareceu chão que desse uvas. O vinho, aliás era sempre do Sul.
Estou melancólica? parece que sim. Deve ser o efeito do mês de Dezembro, que é um mês que todos detestam, embora finjam que não e continuem a pendurar as bolas nas árvores de natal.
Não há pendurezas que resistam a tanta repetição, anos e anos seguidos!

Viram a fotografia? Pois é isso mesmo!
Por agora nada mais do que gelo e árvores despidas.

13 comentários:

Anônimo disse...

Dez dias e voltas sem Natalino!
Natalinos não são chapéus, há poucos.
Estou triste, também triste, não te posso valer. Só calço 41 e tenho pés frios; não há coração que os aqueça.
Beijinhos

asdrubal tudo bem disse...

deixo aqui o meu quente abraço de solidariedade.

O Lobo mau que continua à espera que o capuchinho vermelho o venha comer.

Bastet disse...

Ó Fausta, também eu não gosto desta época e muito menos de ter os pés frios! Temos de beber um cházinho para aquecer e pôr a conversa em dia! :)*

Fatyly disse...

Ora bolas ainda não foi desta:):):)

Olha lá mulheri...eu gosto muito do Natal!

Beijos

vague disse...

:)
Pés quentinhos sabe tão bem :)

Gostei deste momento do Erecteu:

'calço 41 e tenho pés frios; não há coração que os aqueça'

Isto é pura poesia , Erecteu :)

Lúcia disse...

a coisa correu mal, ou melhor, não correu bem.

mas aqueles escandinavos têm um ar deslavado que não deve aquecer nada nem ninguém. basta ver a temperatura ambiente. se eles fossem quentinhos, o ar amaciavo e não viviam naquela escuridão sem fim.
aqui estás melhor, mesmo sem o Natalino.

luci disse...

minha querida, nós aquecemos-te!
com palavras. melhor que nada, digo eu. e há que hibernar. intencionalmente, decididamente! (espero que não penses que é hibernação a mais...)

ABRAÇOS

Anônimo disse...

Não experimentaste a sauna finlandesa?

Didas disse...

Pois, o friozito é mau...

bagaco amarelo disse...

"O vinho, aliás era sempre do Sul" Mesmo que não sejam bons na cama, parecem inteligentes... .)

Fausta Paixão disse...

desta vez não respondi a ninguém, mas não levem a mal... é que estava mesmo gelada!

mas vague, achei o mesmo que tu quanto à frase do Erecteu... e quem diz a verdade...

asdrubal, que número calças?

predatado, um dia destes vem cá explicar-me como é a sauna finlandesa. a tua experiência deve ser muito superior à minha... haja homens activos... a gente agradece!
Gostei de te ver por cá.

Bagaço...isso da cama não tem a ver com a inteligência... ou tem?

beijinhos às meninas, com cházinhos quentes para afogar as mágoas.

Fatyly, 'tou'taver toda enfeitada com bolas de Natal... tu vê lá, cuidado com as pendurezas!

Anônimo disse...

Pois é! São tímidos ou no outro extremo gabarolas... é difícil encontra-se um que...
Bom, compustura menina!
Desse frio não me safo eu dentro de dias, brrr...

asdrubal tudo bem disse...

Para quê? Para me calçares um para de patins?