domingo, fevereiro 24, 2008

Não se pode deixar morrer a Paixão

Entre dilúvios e enxurradas, discursos acusatórios e mensagens promocionais, repórteres da desgraça e comentadores sapientes, tenho-me deixado ir com as águas ...

Por todo o lado faz-se ouvir o descontentamento, morre gente nas estradas e morre o entusiasmo profissional que se calhar nunca foi de monta. De uma maneira geral o país está deprimido. Excepção feita a uns quantos obesos que fazem tilintar o metal na barriga.
Haverá futuro?


Hoje dei-me conta de que não posso deixar morrer a Paixão.






15 comentários:

Fatyly disse...

Não acho que o país esteja deprimido porque se assim fosse não via o que por vezes vejo e oiço.

Eu falo por mim, jamais deprimida mas tremendamente farta desta desgovernação com subsídios e normas dados ao deus dará para não falar da corrupção que começa a vir ao cimo das águas turvas...mas como sempre ficarão em águas de bacalhau. Com paixão direi que tudo irá mudar e bem ou mal existirá sempre futuro!!!

-pirata-vermelho- disse...

O futuro é estreito. Só 'sabemos' a revolta activa, a irreverência e o desrespeito pelos agentes, oficiais e privados, de um sistema que promove(em) a desmesurada diferenciação social num paísito pobre onde a parca riqueza, mesmo a emprestada, como a que 'vem da Europa', deveria ser cuidadosamente gerida e a sua distribuição muito criteriosamente ponderada.


viva purtugale!
sem hino consistente
sem bandeira de jeito
e
sem dimensão institucional

-pirata-vermelho- disse...

D Fausta ...
estou desolado.


desculp! desculp!


Pensei que estava a perorar em casa doutra...




(É o pior que pode acontecer a alguém - acordar a falar alto, a meio da noite, a chamar por outro nome... diferente...
mesmo que seja sonho é embaraçoso)

-pirata-vermelho- disse...

Mas...

embora desolado p'o encravo,
acrescento isto
http://tempoquepassa.blogspot.com/2008/02/quando-o-poder-ameaa-destruir.html
como se foss'Economist em consultório de dentist.



Beijos D Fausta
(era o qu'eu lhe dava! s'apanhava...)

Mo disse...

pois não!!!!!!!!

kimikkal disse...

Concordo. O futuro apesar de incerto, terá concerteza más surpresas e é preciso "capacidade de engolir sapos-chamados-orgulho" para as coisas seguirem o curso desejado.

leonor costa disse...

D. Fausta a paixão jamais pode morrer! Que seria de nós sem ela?! A paixão é que nos dá ânimo para viver neste jardim à beira-mar plantado, mas tão mal cuidado. Somos um povo apaixonado e sonhador!

Um beijo

HOJE E AMANHÃ
(os outros estão em banho-maria...)

MySelf disse...

Nunca! A paixão é que nos move!

peciscas disse...

Cada vez é mais necessária a Paixão!

Mac Adriano disse...

Isso, Paixão, não deixes morrer a Faust... perdão, era ao contrário: isso, Fausta, não deixes morrer a paixão! Que o resto (no que toca aí ao portugalzeco dos parasitas) já está morto ou pelo menos moribundo.

Servidores disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Servidor, I hope you enjoy. The address is http://servidor-brasil.blogspot.com. A hug.

leonor costa disse...

Como vai a Fausta Paixão? As melhoras e um beijinho.

Mo disse...

cara nova, boa!

Mo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Acho muito bem em todos os aspectos.