segunda-feira, novembro 13, 2006

As manias da Fausta em dia NÃO.

... 'tou fartinha destas coisas do pessoal andar a bater à porta para a gente revelar coisas da nossa intimidade. Já me chegavam os gajos da markteste com telefonemas dia-sim-dia-não, para aquilo das sondagens...
Há uns tempos decidi adiar o pedido dele. Mas agora foi também ela...

Então lá vai o relato completo das minhas manias.
Mas vejam como fiquei verde com o esforço...



Tenho a mania de acreditar que as pessoas que me visitam pensam que eu sou brincalhona e não levam a sério as minhas queixas mas juro-vos aqui, do fundo do meu coração, que tudo o que aqui lêem é a pura das verdades e que eu seja ceguinha destes dois se for ao contrário.

Tenho a mania de dar conversa a todos os homens com quem me cruzo pelas esquinas da vida à espera de encontrar num deles o príncipe encantado que me fará feliz, mas estou a ver que tenho de seguir os ensinamentos daquelas histórias antigas e começar a coleccionar sapos a ver quando é que algum me pede para quebrar o feitiço, transformando-se ali mesmo num jeitoso completo e de preferência servil.

Tenho a mania de pensar que tudo o que vem à rede é peixe mas depois levo barrete sobre barrete porque andam por aí umas peixas disfarçadas, montadas em redes de malha duvidosa que talvez não sejam peixas mas polvas a estenderem os tentáculos cá para o meu lado mas eu de tentáculos gosto apenas dos que trazem um gajo musculado agarrado, de preferência com voz grossa e pêlos no peito.

Tenho a mania de não ficar muito tempo presa a questões complicadas e se sinto que o meu coração anda doente por causa de desgostos de amor ou de outro tipo ainda mais inútil, como intrigas de mulherio e coisitas assim mesquinhas, pinto o cabelo de louro muito claro por uns dias e é remédio santo – varre-se-me a memória por completo.

Tenho também a mania de achar que ter manias é coisa para gente muito chata e como não tenho pachorra para tais enganos vou acabar a conversa por aqui e vou ver se o gajo que trago sob vigilância (confesso que comecei pelo arquitecto) tem algum projecto para esta noite ou se precisa que eu lhe explique o que é um plano de pormenor. Se vier com conversas de insustentabilidade ou com estilos minimalistas mando-o especializar-se em arquitectura sanitária, que é o que neste momento vende melhor!

21 comentários:

maria_arvore disse...

:)))
É isso mesmo Fausta. Deixa as manias de lado e diz ao arquitecto que tens a mania da arquitectura paisagista e convence-o a desenhar um esplendor na relva. ;)

ivamarle disse...

Vê lá se ele se fica pela Arquitectura Paisagística e tu ficas a ver navios...é preciso cuidado com as perspectivas dos Arquitectos (nunca fiando)...

asdrubal tudo bem disse...

O que tu precisas mesmo é de um homem revestido a pragmatismo.

Fatyly disse...

como sempre irreverente e sensual qb! Busca que encontrarás:):):):)

Ines disse...

Vê lá se o arquiteto percebe de perspectivas, e se respeita as distâncias estabelecidas por lei em relação aos edificios contiguos...

E depois se ssociar linhs ousadas, com segurança estrutural... Aproveita-o!

Anônimo disse...

Tu és o máximo Fausta
fartei-me de rir. Cuidado com os arquitectos têm a mania de fazer alçados!
Beijinhos.

Bastet disse...

Pede-lhe um alçado frontal para veres a qualidade do traço! ;)****

mfc disse...

Ora muito bem... uma mulher de "finalmentes"!!

lima disse...

depois de todas as leituras possiveis, acho que ficou perfeito. De uma vez só, pímbalas, 4 tiros - 4 pardais.

um arquitecto? fora da prancha pouco devem fazer....

má língua, a minha

Anônimo disse...

Essa do arquitonto é uma questão de perspectiva tua. Respeite-se.
Adianto que sem canudo de Arquitecto mas com canudo de Erecteu, passe o pretensiosismo, tenho tudo.

1. Não penso, custa muito, intuo: és uma ganda brincalhona… eu danado pra brincadeira.
2.Sou o mais servilista cá de casa: tipo servi-o e limpa.
3.Sou peixe genuíno mais exactamente meio de Março, não sou escamudo e pêlo só na venta me falta.
4. Por mais que tente não consigo complicar nada: simplório de gema sou.
5. Não sou especialista em nada sanitário, sou mais pró badalhoquito; planos… plano, ando sempre a planar.

Prospectivamente falando: não sou um ponto de fuga?
Aponta 96k kkk 949
Cá te espero ansioliticamente.
Beijinhos

luci disse...

Mas quem é que se atreve a duvidar que é a mais pura das verdades???
Então isto não está tão cheio de anseios genuínos1? E de sonhos a um passo de se realizarem!? O do sapo, por exemplo: é preciso engolir MUITOS!!!
beijos e abraços à Fausta

herculanodacosta disse...

olá
olha enquanto não encontrares o sapo certo não te atrapalhes que eu já vi que não és de atrapalhanços e vai beijando todos os príncipes que te aparecerem pelas esquinas do quotidiano porque não gostaria de saber que te acontece o mesmo que aconteceu a um amigo meu que desde há trinta anos que tá à espera do último modelo da "bugatti" e como cada vez que sai um a marca anuncia que 'tá a desenhar o próximo ele ainda anda com um "chasso" podríssimo de velhice lol :))))

xi-coração do
herc

MRF disse...

Não sei como é que fazes! Mas já te canta um erecteu!

e digo-te mais, na Marktest deviam formar os entrevistadores sobre a melhor maneira de inquirir mulheres faustosas___ que elas têm tanto para dizer. e já estamos fartos das opiniões do "português médio"!

quanto ao arquitecto, não querendo ser má, está atenta: olha que uns fazem uns vídeos que já deram que falar... sabes, aquele que desenhou as Amoreiras e o estádio de futebol da minha terra... Não te queria ver na capa do 24 Horas!


lol

Eric Blair disse...

Tenho a mania de não responder a este tipo de questionários. Mas ainda bem que há quem o faça.

Joaninha disse...

Duvidar! Nunca!...
Escreves bem e até se está a viver o que dizes.
Mas essa de um fulano de pêlo no peito e "macho"... Não tenhas a mania... porque a perderás certamente. São um engano. Vai daí e estão apaixonados por outro e nós, nem na rectaguarda nos safamos...
Pensa na cultura espartana, cerra os olhos e pensa no Bill (das américas)... e ficas com a mania de que foi muito bom!
Minha amiga, estou acre?! é verdade! Mas como me afoguei em todas essas manias, encontrei o teu ombro para chorar. Beijinhos de bom fim de semana.

mushu disse...

Olha os sapos que muitas vezes se têm que engolir...

Xico Rocha disse...

Fausta tem um joguinho na internet, voce diz cinco manias e elege cino blogs para que também o façam.
Xico Rocha

Fausta Paixão disse...

ai chico... não... não dou castigos a mais ninguém porque isto reproduz-se e depois lá voltam outra vez a mim!!!

vague disse...

Este blog é uma delícia. 2 anos e tal depois ainda descubro coisas que se calhar andavam cá antes de mim.
A culpa é dos links da Maria Tree e da Bastet :)

Fausta Paixão disse...

benvinda Vague.
Espero que não sofras do mesmo mal que eu, que isto de não compreender os homens é um castigo ingrato!
Bem... na verdade a gente até os percebe bem, o conteúdo não é assim tão complexo que não dê para animar as nossas mentes perversas... mas isso não quer dizer que não tenhamos as nossas decepções.
Devíamos baixar a fasquia?!
Humm... isso é entregar os pontos e uma mulher não o faz por princípio!

vague disse...

Eu ainda quero acreditar :O)
Devo estar errada, diz.me uma voz e a outra diz. persevera! :D