domingo, março 15, 2009

Eu é mais emoções. Ela é mais lógica.

«... uma mulher a partir dos 30 devia ter direito a dois homens: um jovem para o "mel" e um "grisalho" para a alma, as discussões filosóficas e para apreciar em conjunto uma refeição que não seja fast-food.» (maria-arvore)

8 comentários:

Erecteu disse...

Amen

Fatyly disse...

Dois? que trabalheira :)

maria_arvore disse...

Ai Fausta,
muito obrigada pela distinção. :)

Apenas gosto de ser prática e dada a dificuldade de encontrar um gajo dois em um para essas características há que viver com aquilo que temos. ;)

Fausta Paixão disse...

Erecteu... hoje bem podias pregar aos peixes, lolol...

Trabalheira, Fatyly? Nada disso! Trabalheira é a gente andar à procura de uma coisa que não existe!

Maria, tu és distinta! Ali o teu dedinho apontado ao céu é a prova!

Anônimo disse...

Fausta....
eu tenho 35 anos...
e tenho um namorado de 34
grisalho...
acredita que para o mel.... fantastico!!!
Para a alma... acho que este grisalho para a alma....
........
é melhor mesmo para o mel!

Fausta Paixão disse...

anónima (ou anónimo)... então em vez de dois em um...

bem... não se pode ter mel na eira e discussões filosóficas no nabal. Conserva o que tens, daqui a uns anos estraá no ponto!

Mónica disse...

eu sou mais poupadinha vou pró dois em um

sairfalta2 disse...

sou grisalho, acho as mulheres muito mais interessantes e imprevisíveis que os homens, o que é uma enorme vantagem, mas conheço muitos homens dos tais 30 e tais que comem mto menos (ou nenhuma) fast-food queu, concordo mais com anonimo(a)que tem um grisalho de 34 anos, não gosto de estereótipos ... não excepção sem regra, consultem o Boris Vian, há lá imensas mulheres interessantíssimas e vê-se que admirar o inexplicavel é uma boa regra, e não sou religioso