quarta-feira, março 21, 2007

Ai Primavera... de novo!


Em tempos idos escrevi aqui uns versos brincalhões mas depois
especializei-me nas rimas e na métrica até me sair das unhas um soneto,
que é coisa feita quase a martelo, por causa da cadência.

Ei-lo.

Gosto de te sentir quando amanhece
Teu corpo no meu corpo, docemente
Desfrutemos, amor, este presente
Esta doce ventura que enternece.

Assim pousado em mim, teu corpo oferece
O instante da loucura permanente
Colados, tu e eu, num beijo ardente
Seremos, meu amor, bendita prece.

Mantém as tuas mãos junto de mim
Que eu quero em teu carinho enlouquecer
Não digam que é pecado amar assim

Depois de te beijar, de te morder
É louca a sensação de não ter fim
E é longo o teu gemido e o meu prazer.

… e é por hoje ter sido Primavera que me apetece editá-lo de novo.
Se estou a florear? É bem possível, mas como há dias confessei, estou apaixonada: só o estado da paixão é que nos faz escrever coisas assim… ou não é?

28 comentários:

maria_arvore disse...

Ai mulher
que tu estás feita Florbela Espanca. :)

A diferença que encontro é que tu Fausta pões muito mais carne nos sonetos :) e sinto-me mais alimentada. :)

-pirata-vermelho- disse...

Gosto de sentir o qu'amanhece
neste copo do meu corpo, lentamente.
Desfrutemos o amor, este presente,
e a doce aventura que enternece.


Assim poisado, em mim o teu corpo fenece
no instante da loucura permanente
e selados, tu e eu, num desejo ardente
seriamos meu langor, vinda benesse.


E se ver duas mãos junto de mim
como se fosse de carinho enlouquecer
- não se diga que é errado sonhar assim!


q'depois do beijar e do morder,
a louca sensação do triste fim
é mais longa qu'o gemido do meu prazer.

-pirata-vermelho- disse...

Era assim, não era?

O lamento da Fausta
naquela peça do Molière...

Molière?!
(se calhar estou enganado)

-pirata-vermelho- disse...

Não me diga que anda a inspirar-se em amores alheios, D. Fausta.

Olhe que não me esqueço de a ver aqui a dar cartas que nem croupière do casino do santana!

Fausta Paixão disse...

estás sempre a desconversar, pirata!

era mesmo assim... o copo do teu corpo?

e qual triste fim??

Vamos lá fazer um brinde à Primavera!

-pirata-vermelho- disse...

A propósito de casinos e santanettes, D. Fausta... já anda de minimini-saia, como manda o livro deste ano?

Não se escuse! Uma senhora do seu gabarit não tem desculpa - queremos ver as cuecas brancas quando sobe a escada 'das Amoreiras' para ir comprar chocolates para aquela amiga gordinha lá do prédio.

É o mínimo.
(é o mínimo que nos toca! Não temos Porsche à porta... raispartissss!)

-pirata-vermelho- disse...

Brindes?!


Eu...?


D. Fausta, um pirata só bebe se for em 'skol'.

-pirata-vermelho- disse...

Uma senhora com a senhora não permite distracções!


Pirata d'straído é pirata torto e fenecido

mfc disse...

A paixão faz-nos parecer tontos aos olhos de quem o não está!
Ainda bem que te acontece isso.
Boa sorte!

Lúcia disse...

é!


que inspirada estás :))))

continua a versejar, que tens jeito.

Conceição Bernardino disse...

Olá,
Espero que me desculpe forma como faço os meus comentários, mas é pura e verdadeira...
Para mim não chega, dizer está bonito ou lindo – por isso gosto de deixar pensamentos frases de outros autores como presente da minha gratidão e do meu encanto do que leio, do que observo nas imagens e na escrita.
É a minha maneira de ser...
A critica faço-as, da forma como somos tratados pelo Estado que ignora os problemas da nossa sociedade e como pouco ligam aos grandes talentos que encontro nos blogs.
Peço desculpa e se alguém não gostar da forma como faço os meus comentários agradecia que me dissessem pois tentarei melhorar.
Sou apenas uma amadora de escrita que escreve pela beleza de sentir na escrita as palavras que me vão na alma e penso que é essa a beleza que encontro naquilo que leio cada um escreve com a sua beleza.
Não quero com isto desrespeitar ninguém até porque as palavras lindas, bonito têm um grande significado no meu vocabulário.
Boa semana
Desculpem-me a repetição do post, mas julgo que nem todos entenderam...

Esta é a frase que vos deixo: se pudesses estar perto de mim talvez encontrasses a resposta porque te olho, porque choro sem te conhecer. Se um dia te encontrar entregarei o meu sorriso, é nele que escondo tudo aquilo que sinto só para te ver feliz.

Beijinhos
Conceição Bernardino
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Fatyly disse...

Que maravilha e é bom estar apaixonada. Aproveita e sê feliz!

-pirata-vermelho- disse...

D. Fausta,
já viu como se projectam?
As paixões dos outros são com'as ilusões dos mortos - elles n'existent pas!

À propos d'existence, quando vai às Amoreiras?

-pirata-vermelho- disse...

Ai Sãozinha, tão formosa e insegura... oh D. Fausta! Ela pode ir consigo, quando for aos chocolates...?

(vou logo p'a espreita, eu!)

Fausta Paixão disse...

pirata, pirata... tu és mais das amoreiras mas eu sou mais das amoras... gosto de um bom fruto!

qu'é isso de espreitar as senhoras? és voyeur?

Hipatia disse...

É! E é tão bom :D

-pirata-vermelho- disse...

Voyequê, D. Fausta?!
Não sou nada d'amoreiras... era aquela coisa das cuecas brancas de que falei ali acima... a Sra. não me lê D. Fausta?
E se levar a Sãozinha ainda lá ia mais depressa.

Tem que ler o que os comentadores aqui comentam não vá entender que comentam outra coisa que aqui não se devia estar a comentar - as suas amoras!

mixtu disse...

amiga...
bem.vind aao clube dos apaixonados, agora não te esqueças que tens que pagar quotas.. eu sou o tesoureiro do clube :)

besitos
mixtu

Didas disse...

É. :)))

Fausta Paixão disse...

maria_arvore quando te li fez-se luz... é mesmo uma questão de carne! E há dias em que ela nos trai... e depois dá-nos para a parvoeira... isto das paixões carnais tem que se lhe diga!!!

Fausta Paixão disse...

lúcia, achas que o mfc tem razão? será que pareço mesmo uma tonta?...

quero lá saber!


D. Conceição, continue a sorrir que faz bem à saúde... mas olhe que paixões carnais não são de desprezar! volte sempre.

Fausta Paixão disse...

Didas e Hipatia e Lúcia... ainda bem que me compreendem!!!

Mixtu... especifica o pagamento das quotas... não quero ficar a dever nada a ninguém!

Fausta Paixão disse...

pirata... eu estava mesmo a evitar as cuecas brancas mas acabei por ter de as pôr aqui... és persistente!!!

;)

-pirata-vermelho- disse...

AQUI!?...

D. Fausta,
oiça bem,
uma senhora é de saiae sem calcinhas.

Em sua própria casa é sempre... quando sai, se a saia for o que manda a lei, a moda, não é?... depende.

De onde pensa que vêm as paixões carnais?
(Não me diga que vai na conversinha mole destes admiradores/ras que pr'aqui a andam mironar?!)
De onde vêm...?!


Pois é!

Podia lá ser outra coisa...

A D. Fausta é que parece que anda um bocado anémica de modas.
Ora bem!

Erecteu disse...

Porra que com verso assim, que tu minha doida, dizes serem a martelo, não m'mpotava de fazer de tolentino.

vague disse...

Bonito o soneto, tem 'presença, Miss Fausta :)

Fausta Paixão disse...

Erecteu serei eurídice se tu quiseres ser orpheu. quem assim me corteja merece um beijo faustoso.

vague... é uma presença primaveril... mal florescem as giestas pelos campos a gente fica assim meio entontecida... ai a paixão!!! Obrigada pelo elogio.

Apaixonado disse...

É pois!